Background

BLOG PIXELZ

Receba insigths em pós producão de imagens, fotografias de produto, melhores práticas em imagens para eCommerce

Resultados

A pesquisa não retornou nenhum resultado. Por favor, tente novamente!

Fotografar produtos altamente refletivos: Como controlar Reflexos


Main Image

Domine essas três instalações de iluminação para minimizar os reflexos em objetos de vidro e metálicos.

Fotógrafos enfrentam muitos desafios ao fotografar produtos altamente refletivos, como vidro, pedras preciosas e metais, mas para o fotógrafo que sabe como dar forma e controlar a luz, eliminando reflexos e outras distrações inconvenientes como pontos de luz pode ser tão fácil como fotografar produtos não refletivos.
Neste tutorial, vamos usar várias variações diferentes de iluminação e produtos para dem onstrar como iluminar corretamente objetos refletivos e obter fotos de alta qualidade que vão ajudar a melhorar aimagem de seus produtos e aumentar as suas vendas.

Fotografar vidro transparente ou colorido

Existem algumas maneiras diferentes para fotografar vidro, mas o método mais atrativo e visualmente impressionante é iluminar um produto de vidro por trás.

Esta técnica simples é chamada de “retro iluminação” e ela irá embelezar qualquer produto de vidro, aproveitando a translucidez do vidro para dar ao seu produto a agradável aparência “cristalina”.

Você pode aprender como criar um estúdio de fotografia em casa a um custo muito baixo no nosso post DIY 1 post..

Passo 1: Definir a sua Configuração

A fim de criar uma instalação de luz de fundo, você precisará de uma área de fotos de porte decente, especialmente porque você vai lidar com um produto frágil. Dê o melhor de si para garantir a segurança do seu estúdio prendendo os cabos de luz para baixo e usando uma mesa resistente ou plataforma para elevar o seu produto de acordo com sua fonte de luz. Posicione a sua fonte de luz por trás do produto para que a áreamais brilhante da iluminação brilhe diretamente através do vidro e enfatize as linhas exteriores naturais e curvas de cada peça. Se você tiver problemas para o nivelamento da luz e do produto, tente diminuir a sua luz ou elevar o seu produto com um bloco. Você pode usar iluminação contínua ou iluminação estroboscópica (oscilante) – qualquer uma delas é boa, porque você vai utilizar um tripé.

Em seguida, você precisa para neutralizar ou suavizar a fonte de luz de uma sombrinha e/ou várias camadas de papel laminado ou tecido branco fino. Posicione o papel branco ou tecido entre o produto e a luz e complemente colocando uma placa de espuma branca sob o produto e de cada lado, como mostrado acima.

A placa de espuma ajudará a refletir a luz de volta para o produto e envolvê-lo suavemente. Sugerimos adicionar um pedaço adicional de papel branco ou tecido na parte superior da instalação, a fim de refletir a luz sobre o objeto de cima também.

Setup

FAÇA VOCÊ MESMO – Configuração de Estúdio Fotografia de Produto

Pense nessa “caixa” instalação de iluminação como uma tentativa de imitar a luz suave de uma janela – você quer que a luz envolva uniformemente o objeto sem criar “manchas brancas” desagradáveis ou reflexos que nos distraem.

Para contornos e cores mais ousados, tente usar placas de espuma preta de cada lado do seu produto. Isso permitirá uma melhor saturação das cores e vai enfatizar as bordas do seu objeto de vidro. Na série de imagens abaixo, você pode ver as diferenças entre não usar placas de espuma nos lados, usar placas brancas, usar placas pretas e usar placas pretas laterais bem próximas do produto. Mais notavelmente, você vai perceber que a linha preta externa do vaso gradualmente se torna mais definida quando as placas de espuma são adicionadas, escurecidas e movidas para mais perto do objeto.

No boards – Reflections

Sem placas – Reflexos

White boards

Placas Brancas

Black boards

Black boards

Black boards in closer

BPlacas Pretas Aproximadas

Você também vai precisar de um tripé para manter as imagens de diferentes produtos compatíveis com o enquadramento. Alinhe o seu tripé para nivelá-lo exatamente com o produto para obter uma perspectiva precisa.

Finalmente, antes de começar a ajustar as configurações da câmera e tirar fotos, veja se foi feita uma limpeza no seu produto com um limpador de vidros e se o objeto está livre de poeira e manchas. Isso vai ajudá-lo a fazer uma pós-edição ainda mais rápida!

Passo 2: Configurar Câmera

Dependendo do estilo de iluminação que você escolher, ajuste o seu balanço de branco de acordo com o menu de disparo interno da câmera. Neste tutorial, vamos usar iluminação estroboscópica, por isso temos que definir o balanço de branco da nossa câmera para a definição do flash para compensar o azul do bulbo dalâmpada. Em caso de dúvida, use a configuração automática do balanço de branco.

Você vai se concentrar em uma das partes externas do seu objeto de vidro, porque o sistema de foco da câmera precisa de um objeto definido para concentrar o foco. Escolha algum elemento do seu objeto que éperceptível e que será fácil para a sua câmera reconhecer. Em nosso exemplo, o foco foi a extremidade inferior do vaso, uma vez que é mais escura e mais aparente.

Recomendamos fotografar no modo manual, o que permitirá que você tenha controle total de como a câmera interpreta a luz e grava as imagens. Você vai querer definir a sua abertura para f / 11 ou maior (como f / 16), a fim de capturar o máximo de detalhes possível. Da mesma forma, use o menor ISO (como o ISO 100) possível para preservar o máximo de detalhes e impedir grãos desagradáveis que começam a aparecer em imagens capturadas em ISOs mais elevados.

Se você estiver usando luz contínua, você pode optar por utilizar a leitura do medidor da câmera no visor para ditar a velocidade do obturador. No entanto, já que é importante expor demais, ou “estourar”, fundos de imagens em contraluz, a fim de expor adequadamente o seu objeto, você provavelmente terá que ajustar a velocidade do obturador um ou dois pontos para baixo do que o medidor de luz da câmera recomenda, como mostrado na série de imagens abaixo.[/vc_column_text ]

Too light

Luz Excessiva

Perfect

Perfeita

Too little light

Pouca Luz

Não tenha medo de tirar fotografias de teste e passar algum tempo fazendo pequenos ajustes nas configurações da câmera para capturar as melhores imagens possíveis para promover os seus produtos!

Você pode aprender mais sobre como tirar proveito das configurações da câmera lendo nosso post DIY 2 post.

Passo 3: Pós-processamento das suas imagens

Felizmente, a retro iluminação deve eliminar todas as imperfeições do seu produto de vidro, o que simplificará enormemente o fluxo de trabalho da pós-produção. No entanto, se quaisquer pontos ou manchas são visíveis, clone a imagem ou elimine-os. Depois disso, trabalhe dessaturando e limpando o seu fundo até chegar ao branco puro. Esses simples e rápidos retoques farão as suas imagens ficarem ótimas.

As seguintes imagens foram fotografadas com a mesma “caixa” de retro iluminação que demonstramos anteriormente neste tutorial, que como você pode ver, faz cada peça parecer atrativa.

Fotografar Produtos Detalhados De Vidro

Fotografar vidro é fácil, porque você pode expor excessivamente o vidro, mas outros produtos refletivos como óculos de sol e relógios contêm detalhes que você não pode estourar com retro iluminação.

Esses tipos de produtos precisam ser iluminados de forma diferente para que os clientes sejam capazes de ver por completo o produto que você está tentando vender.

Passo 1: Definir a Configuração

Você vai precisar de uma grande mesa para colocar o seu produto e uma ampla luz difusa por uma sombrinha posicionada à esquerda do seu produto. Em seguida, pendure o papel branco para que ele caia por baixo do produto, como mostrado acima; para melhores resultados, ligue a extremidade do papel no fundo da sua lente da câmera para refletir alguma luz para o produto e eliminar quaisquer reflexos do primeiro plano.

Semelhante à configuração da “caixa” de iluminação, será necessário colocar uma placa de espuma perto do produto do lado oposto da fonte de luz, que pode ser uma lâmpada de luz contínua ou estroboscópica. É melhor colar com fita dois pedaços de placa de espuma em formato de “V” para canalizar a luz refletida em torno do produto e conseguir uma luz suave e distribuída por igual.

As fotos de produtos abaixo demonstram ambas as técnicas de iluminação, as ruins e as boas.

Os reflexos aqui provavelmente irão distrair os clientes e ainda diminuir a percepção da qualidade do produto.

Colocar um papel branco no fundo da lente da câmera garante um reflexo muito mais apropriado.

Para alcançar uma iluminação eficaz na foto do relógio no lado direito, nós mudamos a nossa fonte de luz para uma iluminação lateral direta, uma iluminação lateral de 45 graus, de modo que a parte frontal do relógio se torna mais clara, sem causar um clarão na superfície.

Você também vai precisar utilizar um tripé com esta configuração para manter a sua imagem de enquadramento consistente. Posicione a câmera um pouco acima do que você faria para iluminar um produto de vidro de modo que você vai capturar as imagens um pouco abaixo em relação ao seu produto. Isto irá eliminar reflexos e mostrar um ângulo atrativo do seu produto. E como sempre, veja se o seu produto foi cuidadosamente limpo.

Passo 2: Configurar a sua câmera

Tal como acontece com a configuração da retro iluminação, você precisará ajustar o seu balanço de branco de acordo com o tipo de iluminação que você está usando (por exemplo, tungstênio, fluorescente, luz natural, etc.). Focar fica muito mais fácil com óculos de sol e relógios porque estes produtos contêm mais detalhes que o foco automático da câmera vai facilmente encontrar. Concentre-se na parte central do seu objeto e use uma abertura de pelo menos f/11 para obter imagens mais nítidas. Com iluminação lateral, é bom simplesmente seguir as sugestões do medidor de luz da câmera sobre como definir a velocidade do obturador. Se você tem dificuldades para encontrar as configurações certas, configure a câmera para o modo Prioridade de Abertura e a sua câmera irá aperfeiçoar a velocidade do obturador para você.

Não se esqueça de definir o ISO para a configuração mais baixa possível! Se você ouviu o nosso conselho para usar um tripé, você vai usar um ISO 100 sem nenhum problema!

Passo 3: Pós-processamento das suas imagens

Uma execução correta da técnica de iluminação lateral significa que você só vai precisar de pouco para o pós-processo de suas imagens. Veja se o seu produto está livre de manchas e partículas de pó, se o fundo está branco puro sem sombras ou manchas e se a cor de seu produto está precisa. Este é também o momento para eliminar os defeitos ou danos aparentes que você não corrigiu antes de fotografar, tais como riscos e arranhões. Não tenha medo de selecionar o seu produto, colocá-lo sobre um fundo branco e adicionar suas próprias sombras, se necessário.

Se você for vender os seus produtos em mercados como o Mercado Livre ou Amazon, cumpra as regras de padrão de imagem para obter os melhores resultados.

As imagens abaixo foram todas feitas utilizando a técnica de iluminação lateral.

Fotografar objetos de metal

Objetos metálicos são os mais difíceis de serem fotografados devido a sua alta reflexividade.

Com a maioria, se não com todos os objetos de metal, você pode ver tudo ao seu redor na superfície do objeto.

This two-lighting setup looks complicated but can be broken down into easy steps

Este arranjo de iluminação dupla parece complicado, mas pode ser dividido em etapas fáceis.

A técnica de iluminação a seguir deve ajudá-lo a fotografar com sucesso objetos menores de metal sem esses reflexos perturbadores.

Passo 1: Arrumando a sua Configuração

Coloque o objeto em uma superfície firme, como uma mesa ou um bloco e posicione duas grandes luzes do estúdio próximas a ele, uma de cada lado. Ambas as luzes devem ser dissipadas com uma sombrinha. Então você vai precisar pendurar uma folha branca de papel por trás do produto para que ela passe por baixo do produto e depois coloque-a na parte inferior da lente da sua câmera para bloquear qualquer reflexo proveniente do primeiro plano e para refletir mais luz para o objeto-

Nenhuma placa de espuma é necessária para esta instalação, já que você vai contar com duas luzes difusas para iluminar suavemente o produto. Posicione a câmera em seu tripé de modo que você fotografe o produto de uma posição ligeiramente mais baixa, como acontece com a instalação de iluminação lateral.

Recomendamos o uso de iluminação estroboscópica para produtos metálicos porque esse tipo de luz permite um controle maior da iluminação, mas uma iluminação contínua seria o suficiente. Qualquer uma que você escolher deverá ser usada acima do seu produto para ambos os lados, coloque-as com um ângulo inclinado para baixo em direção ao produto e configure ambas com a mesma intensidade. Isso, junto com as sombrinhas de difusão, ajudará a preencher uniformemente a imagem com luz sem criar pontos brilhantes feios em seu produto.

Antes de começar a fotografar, limpe as impressões digitais ou manchas que você deixou no produto,posicionando-o no espaço de fotografia. Você pode limpar o produto durante o processo, mas se possível, use luvas para eliminar essa etapa.

Como você pode ver abaixo, uma iluminação ineficaz fica mais ineficaz para produtos metálicos, por isso é primordial dominar essa instalação de dois pontos luz.

Faça o que for preciso para eliminar os reflexos feios como aqueles nas imagens à esquerda e crie ailuminação apropriada e sem reflexos das imagens à direita.

Passo 2: Configurar a sua câmera

Até agora, nós explicamos todas as configurações de câmera necessárias que você precisa para conseguir as imagens da mais alta qualidade que a sua câmera possa fazer. Use uma grande abertura de f/11 ou superior e uma velocidade de obturador que exponha corretamente o seu produto de acordo com o medidor de luz no visor de sua câmera. Defina o ISO o mais baixo possível, de preferência ISO 10, e se concentre no centro do produto para garantir que você consiga um foco de todo o objeto. O balanço de branco automático normalmente funciona bem, mas também vale a pena considerar o ajuste manual do balanço de branco de acordo com o “calor” da lâmpada usada por suas fontes de luz.

Passo 3: Pós-processamento das suas imagens

Semelhante à parte sobre configurações da câmera, a pós-produção deve ser relativamente simples. Useferramentas de limpeza e de clonagem para eliminar manchas, impressões digitais, poeira e outros tipos de imperfeições e danos para fazer o seu produto ter um visual melhor. Preste uma atenção especial na precisão da cor e sobretudo, tenha certeza de que o seu fundo é limpo e branco.

Há muitas maneiras de iluminar objetos refletivos, mas essas três simples instalações de iluminação podem fazer com que as suas imagens de produto impressionem os clientes e se destaquem do resto! Às vezes, o processo de pós-produção pode parecer entediante e demorado, especialmente se você sentir que as suas imagens de produto precisam de um longo trabalho para que pareçam melhores. Se você está se sentindo sobrecarregado, experimente fazer uma terceirização da pós-produção com uma empresa como a Pixelz. Nós podemos fazer as suas imagens se destacarem e com uma entrega muito rápida. Aterceirização do seu trabalho pode ajudar a aliviar um pouco a sua pós-produção e a carga de trabalho de marketing paraque você possa se concentrar em dominar essas técnicas de iluminação e fazer vendas!